Notícias

a

Tropi-Trip

“Quer fazer Deus rir? Conte-lhe seus planos.”

Ouvi isso do Rafa em 2011, quando ainda preparávamos as músicas do Ousa em sua kit numa sobreloja, gravando tudo precariamente em um iphone. Deus de fato deve ter algum senso de humor, pois vêm curtindo nossas piadas desde então.

2015-08-18-20.44.21De lá pra cá fizemos mais amigos, a família Stoyca cresceu, ganhou corpo e um novo norte. Quem diria que esse ano teríamos o Kelton para produzir nosso EP, o Felipe Vieira produzindo nosso álbum e o Thiago Cunha pra desenhar nossas baterias. E como se isso fosse tudo.

Tantas pessoas em quem esbarramos nesses últimos anos, conhecendo, entendendo suas visões da música e do “fazer” e isso nos amadureceu muito.

Ao ponto de semana passada juntarmos tudo em um esforço só: lançamos o EP, em um show onde apresentamos a produção do disco, e colocamos um lindo grafite na rua com a arte que eu e Nelson idealizamos nos últimos meses, sob a execução primorosa do Grupo DF Zulu – mestres Sowtto e Satão.

E Deus continua rindo.

Talvez com os mlks [e mlkas!] na rua curiosos com o grafite, querendo saber de que se trata, como é nossa música, onde ouvir, etc. E depois outras pessoas adultas, que se sensibilizaram com nossa pala e vieram saber mais e dizer “tem uma poesia aí, não tem?”

2015-09-21 16.59.26

Tropitrip

Antes e depois da parede na W3 • Clique pra ampliar

Tem.

A poesia é o que nos move, é o nosso delírio. A poesia das pessoas e da cidade, que deu a pauta desse disco que vamos gravar. A poesia dos grafiteiros que nos ajudaram, do público corajoso que foi ao Mapati dia 18, num show de uma banda desconhecida ouvir 10 músicas desconhecidas e viajava com a gente em cada nota: nos receberam como se nos conhecessem desde sempre.

20150918-_DSC4837 20150918-_DSC4803 20150918-_DSC4662 20150918-_DSC4476 20150918-_DSC4726

20150918-_DSC4906

E tem a viagem de uma pesquisa pesada que eu e Nelson fizemos pra entender como vestir as músicas com um visual honesto, e que ele de maneira inaugural executou, e finalmente colocamos na rua. Na parede da avenida e no palco do teatro na mesma semana. Para nós que lavramos e colhemos nossas idéias em silêncio e no anonimato, foi uma loucura ser tão bem recebido por tantas pessoas em espaço tão curto de tempo.

E não para por aí. Temos mais planos. Que deus nos reserve mais risadas.

Se você ainda não ouviu nosso EP:


Se você ainda viu nosso lyric video:


Jorge, Toddy, Walter, Rafa